Luz, Direção, Produção e Locação | Você domina tudo na sua fotografia?

A prática do dia-a-dia nem sempre nos permite perceber, mas existe um grande número de fatores que temos que controlar e diversas decisões técnicas e criativas que temos que tomar antes e durante um ensaio fotográfico. Etapas de um ensaio fotográfico Costumo fazer um exercício com meus alunos, de montar um quadro que explicita tudo

A prática do dia-a-dia nem sempre nos permite perceber, mas existe um grande número de fatores que temos que controlar e diversas decisões técnicas e criativas que temos que tomar antes e durante um ensaio fotográfico.

Etapas de um ensaio fotográfico

Costumo fazer um exercício com meus alunos, de montar um quadro que explicita tudo que devemos decidir ou escolher para que um ensaio possa acontecer. Preenchemos o quadro em conjunto, à medida que vamos lembrando de tudo que envolve produzir um ensaio fotográfico. O quadro fica geralmente assim:

Locação

  • A locação é aberta ou fechada?
  • Caso seja aberta, tem possibilidades fechadas para o caso de chuva?
  • A locação tem relação com a personalidade ou perfil da fotografada?
  • As roupas e locação tem conexão?
  • Você precisa de muitos equipamentos neste ensaio? O deslocamento dentro da locação é fácil?
  • O tempo disponível para fotografar na locação é suficiente para sua produção?
  • O tipo de luz da locação vai de encontro ao resultado que está procurando?
  • Existe lugar para trocar de roupa?
  • Se precisar de alimentação, tem opções próximas?
  • O espaço físico da locação te entrega o recuo que precisa para montar sua iluminação, fazer os enquadramentos que pretende, etc?
  • Essa locação é limitada em termos de recortes possíveis?

Luz

  • O tipo de equipamento que possui permite produzir o resultado que deseja?
  • Você precisa de algum equipamento ou recurso adicional para chegar no resultado que pretende?

Direção

  • Qual o nível de habilidade a fotografada precisa ter para chegar no tipo de pose que deseja? Ela tem essa experiência?
  • A sua direção tem conexão com a locação, luz, produção (roupas) da fotografada?

Produção e Maquiagem

  • As roupas e maquiagem tem conexão com todos outros elementos acima do ensaio?
  • As opções de roupa podem trazer desconforto para fotografada durante o ensaio? (exemplo: usar roupas leves de verão, num lugar muito frio)
  • Precisa de retoques de maquiagem durante o ensaio? Maquiador precisa acompanhar a equipe?
  • Qual horário iniciar a maquiagem pra que possa chegar à locação no tempo certo?
  • Qual a cartela de cor do seu ensaio? As cores de maquiagem, produção e da locação estão coordenadas de acordo com o objetivo?
  • Esta lista ainda pode crescer muito em número de tópicos e de perguntas em cada tópico.

Por mais simples e objetivo que seja seu ensaio, de alguma forma houve um alinhamento desses fatores. Se nunca pensou no seu ensaio dessa forma, visualizar ele dessa maneira, vai te ajudar a ter um trabalho mais sólido e consistente. 

Fotógrafo Monotema

Existem caminhos seguros para ensaios fotográficos, que são aqueles que todos seguem. As mesmas locações da cidade, a mesma luz, as poses similares,  enquadramentos repetidos. São caminhos que “funcionam” num primeiro momento e parecem seguros, pois foram testados e aprovados por dezenas de fotógrafos da cidade. Mas eu costumo ver fotógrafos assim, como fotógrafos “Monotema”. Podem fotografar pessoas dos mais diferentes estilos e histórias, mas sempre com a mesma estética e mesma “pegada”.

Um portfólio Monotema, por mais visualmente bonito que seja, é no mínimo entediante e muitas vezes “grita” insegurança, falta de pesquisa de referências, pouca aproximação com a história real do cliente e preguiça de sair da zona de conforto.  A zona de conforto é no mínimo um lugar perigoso pra se descansar hoje.

Se você percebeu que seu portfólio é monotema e quer sair dessa, eu tenho um exercício que pode te ajudar a começar a pensar nos seus ensaios de uma forma mais conceitual e criar imagens visualmente mais expressivas. 

Exercício Criativo

Esse exercício é, na verdade, um desafio que passo para os meus alunos nos cursos extensivos. Você pode adotar e ele vai te ajudar a mudar a forma como trabalha seus ensaios.

Sempre carreguei muitas referências do cinema e, como você pode ver nesse vídeo, o cinema inspira muito minha forma de dirigir, posar e iluminar as fotos.

Neste desafio, você é convidado a escolher um filme do seu gosto e precisa criar um ensaio inspirado nesse filme. Você pode: 

  • recriar cenas do filme;
  • recriar a personagem ou seja, usar elementos que traduzem o estilo, personalidade ou situações que essa personagem viveu e fotografar em outro contexto;
  • sugerir um outro final ou continuação pro filme através do seu ensaio;
  • O ensaio deve ser defendido em até 6 imagens. Concisão e poder de escolha também são importantes. Isso te faz pensar mais ao produzir cada imagem.

Esse exercício simples, mas desafiador, te permite passar por todos os elementos da lista citados no início do artigo e começar a ver seu ensaio de uma forma mais abrangente e complexa. Pra te dar exemplos: vai pensar na luz do filme ao escolher a locação ou iluminar a cena, lembrar da personalidade e atitude do personagem e dirigir de forma mais assertiva, pensar na cartela de cores do filme ao escolher locação e pensar na produção de moda, maquiagem, etc.

Você Aceita O Desafio?

Se você leu esse artigo até aqui, quero te parabenizar pelo interesse em um tópico tão importante da fotografia. Esse desafio acima sempre tem muita receptividade entre os alunos e todos o que fazem concordam que cresceram muito fazendo esse exercício.

Eu quero te propor pegar esse desafio porque acredito que ele pode fazer muito pela sua fotografia. Se você aceitar, pode me enviar suas  seis imagens, explicando qual é o filme que escolheu  pelo mail: daniel@danielmagalhaes.net e eu vou responder seu mail comentando as fotos.

Boas fotos e até breve!

Decifrando a Luz – Em breve

Curso Avançado de Iluminação

Cadastre-se para saber em primeira mão sobre o meu novo curso online de iluminação.